Categoria: Ilustração

Amar é: Puuung

Quadrinhos, livros, músicas, esculturas, quadros, filmes… o que mais nesse mundo já se foi feito para falar de amor? Entre várias artes, várias manifestações e declarações, das quais a gente nunca se sente farto, existe uma artista coreana chamada 퍼엉, ou melhor, Puuung que consegue tratar desse assunto com uma sensibilidade gigante.

Puuung começou a adquirir fama em 2014, quando iniciou a compilação de sua série “Love is”, que até hoje está em construção com suas ilustrações sobre pequenos momentos que a vida a dois proporcionam. Em entrevista ao site Metro da Inglaterra, ela falou: ” O amor é uma coisa que todo mundo pode falar sobre, e ele vem de maneiras que nós podemos facilmente ver no nosso dia-a-dia. São os pequenos, mas gentis e atenciosos momentos que mostram que nós nos importamos.”

As ilustrações não possuem legendas, então fique a vontade, pegue um lencinho e interprete da forma que preferir.

p2 p3 p4 p5 p6 p7 p8

 

 

Ainda tinha muita coisa que eu queria colocar aqui. Pouco se sabe sobre a artista, mas você pode acompanhá-la pelo Twitter, Facebook, Instagram e pelo Grafolio, vale a pena. 🙂

 

Comente

Papel levado a sério

É muito bonito de ver a importância que as crianças dão ao papel, vocês não acham?! Basta uma simples folha, lápis e aquilo tudo já vira uma brincadeira! E sabe o que é mais bonito ainda?! Quando o amor pelas folhas coloridas é levado a diante.

Vamos ver hoje uma seleção de trabalhos feitos com papel. Cores, recortes, colagens e montagens de encher os olhos!

A Coruja e o Corvo – Crowl Design

Arte em Papel - midiadrops

Clique na imagem para conferir o projeto completo 😉

O Crowl Design é um estúdio paraibano. O casal que está a frente dele criou o livro “A Coruja e o Corvo” para o trabalho de conclusão de curso de Ana Carolina – que cuidou de toda a engenharia de papel do projeto. Ilustrações, letras manuais e papel cortado: tudo isso deu forma a um livro muito diferente e encantador. Acompanhe o estúdio no Behance e no Facebook.

The Art of Saving a Life – Zim & Zou

Arte em Papel - midiadrops

Clique na imagem para conferir o projeto completo 😉

The Art of Saving a Life” vai além desse papercutting. O projeto apresentado acima é apenas um dos participantes desse gigantesco projeto (promovido por uma instituição do Bill Gates!) que busca falar sobre a importância das vacinas. Zim & Zou, da França, inspirados por essa causa, criaram um conjunto de seringas diferentes apenas com papel. Uma explosão linda de cores pasteis.

La Siesta – Jotaká

Arte em papel - midiadrops

Clique na imagem para conferir o projeto completo 😉

Esse projeto pessoal do espanhol Jotaká além de ser visualmente muito lindo tem uma ótima inspiração! O projeto é um culto ao abraço e a hora certa para recebe-los. Da pra perceber a ideia de conforto dos abraços e o romantismo do artista em cada pedaço de papel usado!

Lindos, não?! 😉

Comente

Existe um Neil Gaiman atrás de todas as árvores do mundo

Reprodução/ Youtube

Reprodução/ Youtube

A artista, ícone do punk e feminismo (e no geral badass) Amanda Palmer percebeu algo interessante quando se casou com o escritor (e no geral pessoa incrível) Neil Gaiman: o autor fala um bocado de coisas enquanto dorme. Coisas estranhas.

“Neil é um completo esquisito quando está meio adormecido. Sabe todas essas coisas doidas que ele tem escrito nos últimos 30 anos? Isso tem que sair de *algum lugar*. O cara é um repositório em carne e osso de estranheza surreal”, a esposa do autor revelou em seu blog.

Segundo Palmer, Gaiman vira outra pessoa quando está naquele estado de sonolência em que as pessoas conversam mas não lembram de nada do que falaram no dia seguinte. “Na maioria das vezes eu só escuto o espetáculo carnavalesco que é o Neil Adormecido e também vou dormir. Mas às vezes o negócio é tão bom que eu escrevo para poder contar a ele pela manhã”, ela admite.

Em uma dessas noites esquisitas, Palmer estava sem papel para escrever e gravou um áudio no celular. Mas acabou esquecendo e só encontrou o arquivo anos mais tarde. Surpresa com o pequeno diálogo que achou, resolveu fazer uma animação com a gravação.

Com a permissão de Gaiman (que achou o áudio “hilário”) e a direção do animador Avi Offer, Palmer então produziu “Behind the Trees”. O resultado foi uma animação linda e envolvente, com aquela pontinha de sobrenatural que só poderia ter saído do mundo de Neil Gaiman. Confira:

Abaixo você pode conferir a transcrição do áudio, feita por Palmer:

quem é você, eu perguntei

umm, apenas um cara que você conheceu, ele disse

não, quem é você de verdade, você não é apenas um cara, você é especial

não, há milhões como eu, ele disse, milhões

e eu disse, bem, onde eles estão?

e ele disse:

não sei

e eu disse: não, sério, você já viajou o mundo todo, se há milhões como você, onde eles estão?

e ele disse: atrás das árvores

eu disse, que árvores?

todas as árvores.

eu disse: não, eu acho que não, neil, eu acho que você é único-

– não, eles estão todos atrás das árvores, eles estão todos esperando para sair

e eu disse: quando é que eles vão sair?

quando eles decidirem que não tem problema.

e eu disse: bem, se eles são todos como você, e eles estão todos atrás de árvores, mas você saiu de trás da árvore e você está no meio, o que estão fazendo lá atrás? … porque então eles não são realmente como você…

eu sou o primeiro, ele disse.

ok… então você é como um pioneiro?

sim, ele disse, e… qualquer dia eles vão sair. eu acho que eles estão um pouco assustados. eles estão meio que… a moça de cabelo vermelho… não temos muita certeza sobre ela.

e eu disse: soa muito parecido com você.

bem é claro que sim, eles são eu.

sim, mas você saiu. eles estão atrás das árvores. você não está atrás da árvore. você saiu de trás da árvore. eu não entendo… *suspiro* … eu acho que não tem nada atrás das árvores.

(talvez tenha, Amanda, talvez tenha)

 

Comente

A Fusão entre Fotografia e Ilustração

Que a fotografia e a ilustração são duas formas de arte muito interessantes quando bem exploradas, disso não há dúvidas. A fotografia causa uma sensação de interação mútua entre o observador e a obra. Ela tem esse poder de aproximar algo, que está fisicamente distante, de quem a admira, fazendo com que um local, objeto, sentimento ou situação torne-se quase que reais aos olhos de quem vê. A ilustração também é a demonstração de algo, por meio de traços. Todo esse sentimentalismo envolvido em ambas as artes, fazem delas verdadeiras fontes de admiração e inspiração. Mas e quando as duas são mescladas em um mesmo trabalho?

Sébastien Del Grosso, decidiu fundir suas duas paixões em seus trabalhos, misturando de forma inusitada e criativa, seus sentimentos por meio da foto e do desenho. O resultado, você confere logo abaixo nessa pequena amostra de sua galeria de imagens.

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens - Sebastien Del Grosso

Galeria de Imagens – Sebastien Del Grosso

sebastien_1sebastien_10

Gostou? Ficou impressionado? Inspirador não é mesmo?
Caso queira seguir o trabalho dele mais de perto, clique no link abaixo e curta a sua fanpage no facebook:

Fanpage de Sébastien Del Grosso

😉

Comente

Monstros de Café

O café já deixou de ser apenas o combustível de criativos faz tempo! A bebida virou instrumento pra muitas criações, e no caso do artista Stefan Hingûkk, a inspiração aconteceu “naturalmente”.

Enquanto tomava uma xícara de café, ele deixou derramar um pouco num guardanapo e percebeu que a forma da mancha parecia um monstro – e adivinhem, ele adora monstros! Completando com um rabisco aqui e outro ali, a criatura estava formada. Desde esse dia, Stefan já produziu mais de 480 monstrinhos!

The Coffee Monsters MidiaDrops The Coffee Monsters MidiaDrops The Coffee Monsters MidiaDrops The Coffee Monsters MidiaDrops

O artista rapidamente tomou gosto pelo hobby, e o transformou num projeto diário intitulado “The Coffee Monsters”! Você pode acompanhar pelo Facebook, pelo Instagram e até comprar o seu monstrinho na loja criada por Stefan.

 

Apesar de serem monstros, as criações de Stefan muitas vezes tem uma aparência cute e engraçada, além de ter um nome próprio e uma história que é escrita na descrição de cada publicação.

Diz aí se não dá vontade de transformar um deles em realidade?!

Comente