Brincando de ser estilista com o Polyvore

Uma rede social pouco conhecida aqui no Brasil, mas que já tem um vasto público no exterior, é o Polyvore. A plataforma funciona desde 2007 pra expressão artística, com roupas, ou com design de interiores. Muitos estilistas a usam pra mostrar suas criações e as novas peças que estão virando tendência.

1

Você só precisa criar sua conta, acessando com Facebook ou Twitter, ou pelo seu e-mail. Logo após, já é possível criar seus looks com várias opções de sapatos, bolsas, roupas, jóias, imagens e acessórios. Todos os itens estão à venda e você tem acesso ao link que te direciona pra efetuar a compra. Existem muitos perfis legais de gente com ideias de diferentes e com um aspecto bem vanguardista. Você é livre pra criar o que quiser.

Esse é o painel de criação.

Esse é o painel de criação.

 

3

É só arrastar as peças.

Minha experiência como usuária é que o site, de início, não parece muito fácil de se usar, mas você vai pegando o jeito.

Esse look, por exemplo, custa 3.500 reais. Quem sabe um dia, né?

Esse look, por exemplo, custa 3.500 reais. Quem sabe um dia, né?

 

4

É uma maneira que você tem de ficar muito próximo ao que tá acontecendo com a moda mundial. Dá uma olhada lá no polyvore.com!

Comente

#MidiaMix I – That’s Not My Name

Ah, o sofrimento das pessoas que tem nome difícil. Não adianta falar, só soletrar… É sempre uma saga. Entretanto tenho que confessar que esse não é o foco de hoje – mas foi a inspiração para uma playlist, vamos conferir?

Playlist MidiaDrops #MidiaMix

Inaugurando a tag #MidiaMix, temos uma playlist incrivelmente variada, só com músicas relacionadas a nomes pessoais. O mix é bem temperado mesmo e vai de divas do pop a nomes nacionais! Se você não se considera eclético, nem ouse apertar o play pra descobrir o que preparamos pra você. Mas se você é louco por música, aproveite cada uma, e conta pra gente o que você achou!

Que a playlist garanta uma semana bem animada pra todo mundo! :)

Comente

Passo-a-Passo: Construindo um personagem

personagem

Já pensou em criar um personagem? Sua personalidade e suas aventuras correndo o mundo em busca de um objetivo? Pois hoje trago para vocês um simples passo a passo da criação de um personagem, desde seu projeto em papel até a confecção do mesmo.

Vamos separar este processo em três etapas: biografia, design e concepção.

Biografia

Para começar, escreva a biografia do seu personagem: quem ele é? O que faz? O que busca? Quais são os seus sonhos? Quais seus talentos? Quais seus defeitos? Quais dificuldades tem que enfrentar? Ele é preguiçoso ou corajoso? É responsável ou não? Tem família? Emprego? Tente traçar a personalidade dele. As respostas dessas perguntas construirão as Características Psicológicas do personagem. Se quiser, faça um pequeno resumo da história. Isso vai facilitar muito o processo criativo.

Depois de desenvolver o psicológico de seu personagem, vamos partir para as Características Físicas. Explique como é cada parte do corpo: altura, cor de pele, cor de cabelo, tipo de cabelo, braços e pernas (finas, grossas, curtas ou compridas), corpo (fino, volumoso, barriga localizada ou não), cabeça, mãos, pés e vestuário. Com isso feito, chegou a hora de batizá-lo. Escolha um nome que combine com ele.

Design

Agora que você conhece seu personagem, podemos começar a desenhá-lo. Uma boa dica é pegar várias referências que se aproximem do que você quer fazer. Com essas figuras em mãos, faça um estudo de proporção. Primeiro trace uma linha no meio e conte quantas “cabeças” ele possui. Essa técnica toma como base a medida da cabeça para formar o corpo do personagem.

Procure pegar partes do corpo de várias referências. Pegue o nariz  e os olhos de um e o formato do rosto de outro. Vá montando seu personagem e se sinta livre para criar!

Faça um Model Sheet, com a visão de vários ângulos do personagem. Você também já pode fazer o estudo de cor. Teste diferentes combinações. No exemplo, eu fiz o estudo de cor e alguns ângulos do personagem. Você pode desenhar as expressões faciais ou gestuais também.

Moodel sheet do personagem

Model Sheet com a proporção das cabeças e estudo de cor

 

Concepção

Você já tem a base de seu personagem para aplica-lo em um livro, HQ, animação etc. Como exemplo de aplicação, vou mostrar como seria transformá-lo em um boneco usando massa de porcelana fria, também conhecida como Biscuit. Você pode usar outros materiais também.

Comece preparando seu ambiente de trabalho. Para deixar o boneco mais firme colocarei arame em seu interior, então tenha um alicate para trabalhar com este material:

Ambiente de trabalho

 

Faça um esboço. Aqui eu estou trabalhando com a altura de 15cm:

Esboço do personagem

Para trabalhar com a massa de Biscuit, você tem que colorir ela. Eu uso tinta a óleo para esta etapa. Aqui misturei duas tonalidades para alcançar a cor desejada:

Colorindo a massa

 

Modele a massa no formato do tronco do personagem. Detalhe para o arame que passa pelo centro do que virá a ser o corpo dele:

Modelando a massa

 

Para os braços, faça uma cobrinha e corte no tamanho adequado. Usei o esboço para medir os braços:

Fazendo os braços

 

Coloque o arame por dentro dos braços para dá mais sustentação:

Colocando arame nos braços do boneco

 

As mangas são duas simples bolas coladas com cola branca na estrutura do braço:

Fazendo as mangas para os braços

 

Agora faça o pescoço. Depois começamos a construir alguns detalhes da roupa:

Roupa do personagem

 

A construção das pernas segue a mesma lógica das cobrinhas. Já a calça, são duas bolinhas maiores que as mangas. Faça um leve amaçado em um dos lados da calça para encaixar melhor no corpo do personagem:

Construindo a perna e a calça

 

Com mais alguns detalhes já está tomando forma:

Primeira montagem do boneco

 

Eu acho as mãos a melhor parte! Você faz uma pequena bola, pequenas cobrinhas para os dedos e cola tudo. Aqui fiz também o detalhe da luva que você pode ver no ultimo quadro:

Passo a passo  das mãos

 

Para a construção dos sapatos, coloquei porcas de parafuso pra ajudar o boneco a ficar em pé. O encaixe na perna também é feito com arame:

Montagem dos sapatos

 

A melhor parte da cabeça é cortar o cabelo. Sério, é muito bom! Já o nariz é chatinho de fazer:

Fazendo a cabeça e o cabelo

 

Os olhos são mais simples:

Olhos do personagem

 

Agora vamos colocar a cabeça no lugar:

Encaixando a cabeça

 

O chapéu é formado de pequenos triângulos colados em um aro de Biscuit. Coloquei alguns detalhes como umas tirinhas nos cantos e bolinhas nas pontas:

Construindo o chapéu

 

Vamos pintar as pupilas dos olhos com uma caneta Nankin. Não é tão fácil quanto parece:

Pintando as pupilas

 

Para prender o chapéu na cabeça, use um arame:

Colocando o chapéu  na cabeça

 

Resolvi colocar o boneco em um suporte feito da mesma massa. Isso para garantir que ele ia ficar bem fixo em superfícies planas:

O suporte também é feito com Biscuit

 

E voalá, está pronto o personagem! Este é o Alam, prazer!

personagem-pronto

 

Agora é sua vez de criar o seu. Não esqueça de compartilhar sua criação com a gente!

Até a próxima!

Comente

Inspiração: Penas

Eu já falei em várias outras postagens que sou uma apaixonada por cores! Ultimamente nas minhas buscas quase diárias no Pinterest, tenho encontrado uma inspiração: as penas. A natureza sempre dá show, e quando o quesito é cores, ela sempre me surpreende! Esse poder todo, encontrado com frequência nas penas de diversos animais, inspira paletas de cores, formas, marcas, patterns e muito mais. Fiz uma seleção de imagens legais pra você começar sua semana inspirado! É só continuar vendo…

inspiração midiadrops

inspiração midiadrops

inspiração midiadrops

inspiração midiadrops

inspiração midiadrops

inspiração midiadrops

Free Font! ;)

inspiração penas midiadrops

inspiração midiadrops

inspiração penas midiadrops

inspiração midiadrops

Gostaram? Boa semana!

Comente

Colorir – O “novo” anti stress para adultos.

O boom dos livros de pintar: eu tenho certeza que você acompanhou! Já deve ter visto no Facebook, no Instagram, no twitter… só não nas livrarias! Os bichinhos venderam muito rápido, e eu, assim como várias outras pessoas estressadas, fiquei sem meu exemplar.

Minha principal lembrança da infância é ter uma caixa de sapato cheia de lápis de pintar, de vários tipos, e muuuuitas cores. É uma lembrança muito comum e resgatar essa memória foi uma tática muito interessante!

Os mais famosos

A escritora/ilustradora Johanna Basford, por trás dos best-sellers Jardim Secreto e Floresta Encantada foi a responsável pela popularização dos livros de colorir anti stress, através de suas publicações com desenhos detalhados e também desafios relacionados com os temas das ilustrações. No Brasil, os livros ficaram sob responsabilidade da editora Sextante.

johanna_colorir_midiadrops

Johanna Basford

 

 Não achei pra comprar ainda, mas quero pintar AGORA!

Calma! A internet é maravilhosa, como vocês bem já sabem, e tem vários desenhos lindos para você que quer começar a desestressar agora. Fui em várias fontes, e selecionei alguns desenhos pra vocês:

para_colorir_midiadrops_1para_colorir_midiadrops_2para_colorir_midiadrops_3para_colorir_midiadrops_4para_colorir_midiadrops_5para_colorir_midiadrops_6para_colorir_midiadrops_7para_colorir_midiadrops_8para_colorir_midiadrops_9para_colorir_midiadrops_10para_colorir_midiadrops_11para_colorir_midiadrops_12

para_colorir_midiadrops_14para_colorir_midiadrops_13para_colorir_midiadrops_15

 

Dica: existem outros desenhos em alguns links, é só passear entre eles!

Todas as imagens estão linkadas para das fontes de onde eu retirei (sendo esse conteúdo de total responsabilidade e créditos desses publicadores)! Se gostou do desenho, é só clicar na imagem e você é redirecionado. Aí é só salvar, imprimir e colorir.

Comprando Online

Se ainda assim você quer comprar os livros, existe outra solução: a compra online. Não só dos exemplares que já citamos lá em cima, mas de muitos outros com o mesmo propósito. Mais uma vez fiz uma seleção – com preços – pra vocês poderem se jogar!

 

livros de colorir midia drops

1. Jardim Secreto:

Na Cultura*: R$29,90  / Na Americanas: R$29,90 / Na Saraiva*: R$23,90

2. Floresta Encantada:

Na Cultura: R$29,90 / Na Americanas: R$29,90 / Na Saraiva: R$26,90

3. Fantasia Celta:

Na Cultura: R$29,90 / Na Saraiva: R$26,98

4. Mindfulness – O Livro de Colorir:

Na Cultura*:R$ / Na Americanas: R$22,00

*Em pré-venda/sob encomenda. 

 

No mais, vale a pena botar em teste vários tipos de lápis (ou canetinhas) e deixar a criatividade cuidar do resto!

Boa pintura!

Comente

Quer ser Feliz? Pergunte-me como

Se a gente olhar no Facebook e redes sociais no geral todo mundo é feliz, alegre e sem problemas. Mas a gente sabe que não é bem assim. Todo mundo está em busca de se realizar de alguma forma, pensando nisso o Happify chegou para ajudar as pessoas a serem felizes.

happi

Segundo os criadores eles desenvolveram um “Framework da Felicidade” com fundamentação científica. Eles alegam que os estudos apontam que a felicidade aumenta a imunidade, melhora os relacionamentos, incrementa o sucesso profissional e todas essas coisas maravilhosas.

O app está disponível para IOS e você pode experimentar parte deste framework.

A ideia é complexa… Mas se te fizer bem já cumpriu o objetivo inicial.

Comente

Arte no Primeiro e Último frames dos Filmes

Todo bom filme possui cenas tanto iniciais quanto finais espetaculares, algo que provavelmente poucas pessoas conseguem observar e analisar. Foi ai que surgiu a ideia desse vídeo com um compilado que reúne a primeira e a última cena de vários filmes, e coloca lado a lado.

Faz a gente lembrar que o cinema é muito mais que uma indústria.

Cisne Negro (2010)

1

Garota Exemplar (2014)

2

Kill Bill (2004)

3

O Lado Bom da Vida (2012)

4

Clube da Luta (1999)

5

12 Anos de Escravidão (2013)

6

Boyhood (2014)

7

Whiplash (2014)

8

Comente

Mordi Levi

Foi passeando pelo maravilhoso mundo da internet que descobri Mordi Levi em um post onde ele ilustrou vários personagens de Game of Thrones. Como (quase) tudo que se refere a uma série de sucesso vira sucesso também, logo fui atrás de saber quem era o ilustrador por trás das artes geométricas.

Mordi Levi é um designer israelense que, além de possuir outras técnicas de ilustração, explora bastante o lowpoly, aquele efeito que deixa os desenhos com polígonos e vetores. A seguir, fotos dos seus trabalhos mais conhecidos.

mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops mordi-levi lowpoly midiadrops

Gostou? Então, dá uma olhadinha no behance dele que lá tem o processo de criação completo. 😉

Comente

Meça Seu Alcance Com Klout

klout-logo-color-dark

Imagem: klout.com

 

Já ouviu falar do Klout? É uma ferramenta que vem ganhando destaque no mundo social media: um medidor de alcance gratuito, simples e prático, que pode te ajudar bastante em garantir a qualidade do conteúdo das páginas que você gerencia.

É um sistema que funciona, basicamente, em medição de pontos de alcance. Você cadastra seus perfis das redes sociais e, dentro de 3 dias, o Klout te dá um retorno com a sua pontuação de alcance – seu social score -, passando a mostrar resultados em D-1 (num dia, o resultado do dia anterior), e até mesmo um infográfico dos últimos 90 dias, para você poder criar um planejamento de conteúdo envolvente. E não, não é lá tão fácil conseguir manter sua pontuação.  A título de exemplo, eu tinha um alcance de aproximadamente 63 pontos e, em função de um período relativamente curto em que tive de reduzir meu tempo nas redes sociais, já perdi 8 pontos, passando a recuperá-los aos poucos.

klout home

Infográfico dos últimos 90 dias, mostrando a maior e menor pontuação, bem como as redes em que você tem maior presença.

Nessa ferramenta, você pode cadastrar seus perfis pessoais, bem como os perfis de outras páginas administradas, seja no Twitter, Instagram ou Linkedin. No caso do Facebook, o Klout já identifica quais são as páginas administradas por você e fornece o mesmo tipo de serviço. Mas tenha atenção, pois você só pode cadastrar uma conta de cada rede social.

Já com seu cadastro criado, é hora de medir o alcance. O social score ideal é o mais alto possível. Segundo o próprio FAQ do Klout, qualquer coisa acima de 60 pontos já é algo muito bom, o que significa que seu conteúdo tem qualidade e envolvimento do seu público, seja nos seus perfils pessoais, seja nas suas páginas.

klout settings

Você pode alternar para a conta de uma página que você administra em “Switch to brand account”, no canto direito.

Além dessa função de grande utilidade, principalmente para quem não dispõe de verba para a manutenção de sistemas pagos para gestão de redes sociais, o Klout também conta com uma plataforma que funciona exatamente como  uma rede social de compartilhamento de conteúdo, te colocando em contato com outros usuários que são referência na rede, além de te fornecer conteúdos novos que servem como inspiração para o seu trabalho. Além de tudo, conta com  um calendário no qual você tem a possibilidade de criar e/ou agendar o conteúdo a ser postado em qualquer uma das redes sociais.

agendamento

O Klout também te fala quais são os melhores horários para você postar conteúdo em suas redes.

Além de tudo isso, ainda vem a parte divertida: você ganha Perks, que são uma espécie de recompensa pela qualidade do conteúdo que você produz. Esses Perks geralmente vêm em forma de vouchers de desconto em lojas – infelizmente, lojas gringas – o que vem a ser algo muito interessante. Dá pra importar umas coisinhas legais, não é mesmo?

Os Perks são, geralmente, vouchers de desconto para os usuários que criam conteúdos relevantes.

O Klout não é exatamente a mais poderosa das ferramentas de gestão de redes sociais,  afinal, ele não tem todo o  mecanismo sofisticado das ferramentas pagas, nem mesmo toda a funcionalidade delas, porém é uma das mais úteis, inclusive por ser gratuita, pois o social media que não tiver verba para arcar com a mensalidade dessas ferramentas pode usar o Klout para conseguir planejar  um conteúdo, ter maior presença e, consequentemente, maior envolvimento em suas redes administradas.

Cadastre-se em https://klout.com/home, increva-se no portal e nos siga nas redes sociais, pois logo logo volto com mais postagens sobre o Klout.

Comente

Nostalgia nas Redes Sociais

Por mais novo e Newbie que você seja alguns momentos você vai sentir aquela nostalgia de um passado distante, nem que seja no ano passado só. Uma das coisas legal nesses momentos nostálgicos é poder perceber o quanto mudamos com o tempo. Pra quem curte esse tipo de viagem pelo tempo existe o  Timehop,

timehop midiadrops

O Timehop é um app que se conecta nas suas redes sociais e te mostra o que você andava fazendo naquela determinada época que você estava pensando. O App está disponível para IOS e Android.

A novidade é que o Facebook disponibilizou um serviço muito parecido. O On This Day , os usuários poderão ver uma coleção de postagens, fotos e interações que fizeram no mesmo dia, há 1, 2 ou mais anos e pode ficar tranquilo que as informações resgatadas ficarão privadas e ninguém vai ficar tirando onda, só se você quiser 😛

onthisday - midiadrops

 

Gostaram da novidade?

Comente